Leitura cinco, uma retomada!


Nunca mais tinha ousado a escrever sobre os livros que ando lendo durante o tempo que me ausentei dessa tarefa de relatá-los aqui no blog. Hoje retomo essa problemática, de destrinchar meus pensamentos sobre os livros que li e que ainda irei ler.

O livro da vez: “O amor do pequeno príncipe”, uma bela visão do amor puro, ingênuo, apaziguador, sereno, que encanta através dos encantos encantados, já se dizia “Os contos de fadas são assim. Uma manhã, a gente acorda e diz: ‘Era só um conto de fadas…’ E a gente sorri de si mesmo. Mas no fundo, não estamos sorrindo. Sabemos muito bem que os contos de fadas são a única verdade da vida.”

Desejos imensuráveis de encontros amorosos, fé inabalável de uma vida regrada de amor que nunca fora consumado, não se enganem com a capa do livro e sua finura de páginas, trata-se de uma obra prima para a beleza do amor a distancia. Essa é minha indicação da semana, aproveitem.

Rapha.

Anúncios