Marketing e suas justificativas


O “Capital Intelectual” nunca antes foi tão necessário e indispensável em uma época como hoje – o crescimento constante, com acelerado avanço tecnológico e mudanças flexíveis no ambiente de mercado – segundo Thomas Stewart “capital intelectual consiste na capacidade mental coletiva, ou seja, na soma do conhecimento de todos em uma empresa, tornando-se o principal fator que lhe proporciona vantagem competitiva.”

Com isso, nos últimos anos a comunicação de marketing tem desempenhado um papel de destaque junto a esse diferencial competitivo, caracterizado como índice de transformação mercadológico – Know-how – que segundo Magnin, em uma formulação mais elaborada, define o know how como a “arte de reprodução” que se entende não como a reprodução de bens materiais, mas como a reprodução das condições, do conhecimento empresarial que propicia a produção dos bens materiais de grande qualidade e uma conquista fidedigna do público-alvo, ou seja, um conhecimento processual de transmissão de ideias e visão mercadológica, logo esse conjunto de ferramentas estratégicas possibilita a empresa se posicionar no mercado.

Assim podemos definir que comunicação de marketing pode ser compreendida ao analisarmos dois elementos que a compõe: a comunicação, que “é o processo pelo qual os pensamentos são transmitidos e o significado é compartilhado entre pessoas ou entre organizações e pessoas” e o marketing que dentre as inúmeras definições pode ser considerado como um meio das empresas transferirem valor entre elas ou entre seus clientes.

Segundo Etzel et al “as estratégias de comunicação de marketing são combinações de ferramentas individuais como publicidade, venda pessoal, merchandising e promoção de vendas de forma coordenada”, garantindo assim a fixação de imagem da marca que se faz importante, pois além de torná-la conhecida entre os consumidores, dá credibilidade para a empresa, funcionando como uma força motivadora do comportamento do consumidor.

Dessa forma é perceptível que por meio da informação, do conhecimento e da comunicação aplicada de maneira abrangente e específica o gerenciamento de uma organização se torna eficiente, onde segundo Parente “será por meio do conhecimento compartilhado e da cooperação entre empresa e seus clientes que os varejistas conseguirão cultivar e conquistar a preferência e a fidelidade dos consumidores.”

Rapha. e Beta Gui.

Anúncios