Metade de mim


polaroidrapha balanco

Quero, antes de tudo, que você entenda algo importante que demorei muito para compreender. Entenda que o que quer que você faça na vida será insignificante, mas é muito importante que você faça, porque ninguém mais vai fazer. É como quando alguém entra na sua vida e metade de você diz: “você ainda não esta preparado para isso” e a outra metade diz: “faça porque, o que você fizer, vai ser seu para sempre”.

E, por isso, acredito que é um pouco tarde pra pensar no que eu fiz da MINHA VIDA. Das escolhas que fiz, dos erros cometidos. Porém, nunca é tarde pra um recomeço. E é por isso que tudo em mim é querer. Querer, pra mim, é manter-se vivo. É viver como se não fosse acordar mais. É o sempre sonhar acordado. É ter fé!

O que me realiza é saber quem eu sou. É a forma que eu encaro a vida. Muitos acham fácil, mas os mesmos não sabem de nada. Ser quem eu sou, não é fácil, nunca foi e nunca será. Ser relevante para mim e somente a mim e a quem amo. Essa é a pura verdade da vida.

Ainda tenho muito a nadar. E se eu morrer na praia? Bom, só Deus sabe. Ele é dono dos meus passos. E me guia em todos os caminhos em seu tempo. Me sinto pequeno, mas por dentro sou grande. Grande em atitudes, em amor, em consideração e respeito. Ter humildade é se entregar a paixões!

São 24 anos de muitos sofrimentos, dores, mágoas. Cada uma em proporções gigantescas. Dificuldades que só quem sabe sou eu. Mas ninguém. Por mais fracassado que eu possa me sentir agora, me sinto um guerreiro. Minha mente pode estar confusa, mas nunca perco a fé em mim, em deus! Minha fé é irreversível e inabalável. Quando rezo, me sinto forte, protegido, amado. Pronto pra enfrentar mais um dia com minhas escolhas.

Compreendam que não estou reclamando da vida, não mesmo. Nem de mim e muito menos de alguém. Estou vivendo e sempre aprendendo. Esse é o motivo. Já fui pisado, mal tratado, humilhado mesmo, daquele que teve que comer comida racionada para poder sobreviver. Perdi noites de sono. E passar por isso me fez quem sou e agradeço a Deus por ter tido essa experiência, hoje sei dar valor a tudo que conquistei e lutar por elas.

Volto a dizer: amo viver. Amo estar vivo. Amo ser eu mesmo, sempre! Acho tudo tão perfeito e maravilhoso, que o simples sentir do cair da lágrima em meu rosto já me faz sorrir, me faz ser alegre. Pode parecer estranho, mas é exatamente o que sinto. Não cheguei até aqui por nada. Não fiz minhas escolhas achando que elas fossem absolutas. Errei mais que acertei nessa vida.

Logo, não tenho nenhuma vergonha de chorar. A cada lágrima um aprendizado, uma forma de aprender, esquecer o passado e se fortalecer pro futuro! E olhem onde cheguei, se eu tivesse escutado certas pessoas não estaria onde estou!

Então, deixo algumas dicas:

– escute sempre o seu coração, ele é revelador! Sempre!

– sempre dê valor a pai e mãe, eles são a máxima do amor por sua vida. Minha mãe é tudo para mim e sempre será. Minha heroína.

– valorize os sentimentos, as pessoas, os amigos! Valorize a verdade, ela é a mola motivadora das realizações.

– seja transparente, não esteja preparado para tudo na vida, não queira ser perfeito, deseje apenas ser você mesmo. Seja íntegro.

E, nunca se esqueça, o mundo dá voltas. As pessoas que viram você subir, serão as mesmas que irão ver você descer. Respeito assim de tudo! E muito amor, amor a tudo nessa vida!