Arquivo da Categoria: Para Aquietar o Facho!

O Abraço do Caranguejo

por

O sol ainda se espreguiçava quando o barco em que estavam partiu. A captura dos caranguejos só podia ser feita com a maré ainda baixa, por isso sempre saíam cedo. Era sempre acompanhada… Continuar lendo

Gaivotas ao Vento

por

O fim de semana parecia ser perfeito. Um casal moderno, que mal se via no dia-a-dia, buscava descanso e intimidade, coisa que raramente ocupava suas mentes. Foi num fim de tarde, após uma discussão acalorada… Continuar lendo

Jumento na Primavera

por

O mamulengo (como assim era chamado por sua esposa) voltava de um dia de árduo trabalho na roça. No lombo do jumento, sofrido de muitos anos, avistava, não muito distante, sua casa de taipa. O… Continuar lendo